Processos

APTAFURG integra grupo de Sindicatos de Rio Grande que se uniram para o enfrentamento ao novo Coronavirus

What do you want to do ?
New mail

1100 máscaras de proteção individual. Esse é o numero da solidariedade, até o momento. Diversos sindicatos de Rio Grande reuniram voluntários para a confecção e a distribuição do produto, que é uma das formas de proteção contra o Covid-19. O trabalho de produção das máscaras está sendo feito, em sua maioria, por professoras aposentadas das redes estadual e municipal. A iniciativa do movimento é da CUT- Litoral Sul.

As mascaras estão sendo distribuídas para a população em situação de vulnerabilidade social, além dos profissionais que estão atuando na linha de frente ao enfrentamento da pandemia na cidade. Grupos como: População indígena, Associação da Castelo Branco, Trabalhadores(as) da Recicladora Santa Rita, Coletivo Nós da Vila (Quinta), comunidade escolar das Escolas Silva Gama e Juvêncio Lemos, além dos trabalhadores(as) da Vigilância em Saúde, Conselho Tutelar, do CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) e da Casa de Passagem, bem como a comunidade em geral que faz a solicitação, são alguns dos que tem recebido os materiais.

Esse movimento local acompanha o que vem acontecendo pelo Brasil todo. Sindicatos, movimentos sociais, organizações não- governamentais, além de iniciativas individuais de diversas pessoas, estão contribuindo para diminuir o impacto do vírus nos grupos mais vulneráveis, os trabalhadores (as) do país. A CUT Nacional, por exemplo, tem distribuído cestas básicas em diversas regiões do Brasil.

Entidades sindicais como o Sindicato dos Técnicos em Educação da Universidade Federal do Rio Grande - APTAFURG, 6º Núcleo do Centro Estadual de Professores do Rio Grande do Sul- CPERS, Sindicato dos Bancários, Sindiagua, Sindicado dos Trabalhadores da Alimentação, Sindicato dos Portuários e Sindicato do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Rio Grande - SINTERG, estão à frente desse movimento, que segundo a professora Doris Nogueira, diretora da CUT Estadual e ex-coordenadora do SINTERG, é uma forma de contribuir para a promoção da proteção da comunidade e dos trabalhadores (as). “Sabemos que muito mais pode ser feito, principalmente para aqueles que estão mais vulneráveis ao Covid-19, e certamente será feito, mas nesse primeiro momento convidamos alguns sindicatos da cidade, recolhemos doações em dinheiro e começamos a fazer as máscaras, já que esse é um dos dispositivos mais importantes para evitar o contágio, claro que aliado ao isolamento social, porém existem pessoas e trabalhadores(as) que precisam sair para as ruas, pois estão em serviço essencial e isso é o que nos motivou a fazer esse trabalho”, afirmou a diretora da CUT.

Segundo a diretora da CUT a produção das máscaras continuará sendo feita e espera-se aumentar a distribuição para outros grupos.

 

 

FURG TV e FURG FM 106,7 terão programação alterada a partir de sexta, 13

A Secretaria de Comunicação (Secom) da FURG informa que, a partir desta sexta-feira, 13, a programação ao vivo da FURG TV e FURG FM 106,7 estarão suspensas, devido a mudança das instalações para o Campus Carreiros.

O Paralelo 30, programa vinculado a APTAFURG, também ficará fora do ar até a programação da rádio normalizar.

Fonte: Site da FURG

 

 

 

Últimas Notícias

paralelo30.fw

Campanhas

rs

br

rg

logo_furg

CUT

globe

globe

globe